Na Flórida professores darão aula armados

O governador da Flórida autorizou os professores do Estado a portar armas para defender alunos de potenciais massacres.

O governador republicano Ron DeSantis assinou na noite desta quarta-feira (8) a lei de “segurança escolar” aprovada na semana passada pelo Legislativo estadual.

A legislação amplia o alcance de uma série de medidas tomadas no ano passado depois do massacre de 17 alunos na cidade de Parkland.

O novo mecanismo permite que professores e outros funcionários das escolas do Estado portem armas dentro das instituições desde que passem por uma revisão de seus antecedentes criminais, por um exame psicológico e por um treinamento, informa o Estado de Minas.

Andrew Pollack, cuja filha Meadow de 18 anos morreu no ataque em 18 de fevereiro de 2018, defendeu nesta quinta-feira, 9, a decisão do governador.

Ao responder o comentário da apresentadora de TV Chelsea Handler, alinhada à extrema esquerda dos Estados Unidos, Pollack afirmou:

“Seus tuítes não farão nossos estudantes ficarem mais seguros. Suas queixas não deixarão nossos estudantes em segurança. O partido republicano da Flórida, sim, lhes dará segurança.”

Referência . Renovamídia

Curvelo 10/5/2019 06:45

José Carlos Martins

Economista graduado pela PUC-MG, pós graduando em Engenharia de Produção ,técnico em administração de empresas, ex- reservista TG 04/29 Exército Brasileiro .Membro do grupo Direita Curvelo desde outubro 2017. Cristão , conservador
José Carlos Martins

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

W3 Total Cache Error: some files appear to be missing or out of place. Please re-install plugin or remove /home/direitacurvelo/www/wp-content/advanced-cache.php.