Filme propõe sequestrar filha de Sergio Moro.

Um canal esquerdista no Youtube postou um curta-metragem intitulado “Operação Lula Livre”

Um canal esquerdista no Youtube postou um curta-metragem intitulado “Operação Lula Livre” .

No filme de quase 14 minutos de clichês,  um casal sequestra a filha do juiz Sergio Moro, cujo nome é ligeiramente alterado para “Sergio Mauro”, em troca da libertação do condenado Lula — que aparece como “Luiz Jararaca da Silva”.

O canal afirmou o seguinte:

“Troca de reféns era artifício empregado pelos heróis da resistência à ditadura, com o propósito de resgatar combatentes da democracia dos porões da repressão nos anos 70. Não deveria ser diferente em tempos de bolsonazismo, ademais em se tratando do preso político mais importante do mundo, ao lado de Julian Assange, segundo Noam Chomsky: Lula. O filme Operação Lula Livre é uma elucubração fabulatória relativa à progressiva iminência desta eventualidade histórica.”

A área de comentários foi fechada porque a maioria “não conseguiu entender o óbvio”.

Sergio Moro acaba de pedir a abertura de um inquérito na Polícia Federal sobre os responsáveis pelo curta-metragem de ficção.

Veja o vídeo;

Os autores poderão ser processados por ameaça e apologia ao crime.

Referências : O AntagonistaPlenoNews

José Carlos Martins

Economista graduado pela PUC-MG, pós graduando em Engenharia de Produção ,técnico em administração de empresas, ex- reservista TG 04/29 Exército Brasileiro .Membro do grupo Direita Curvelo desde outubro 2017. Cristão , conservador
José Carlos Martins
4 comments to “Filme propõe sequestrar filha de Sergio Moro.”
  1. Sabe o que vou sugerir pros envolvidos na produção desse vídeo sacana? Uma glock no meio da testa de todos eles!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Sem mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *